quarta-feira, 31 de agosto de 2011



curso de rio que diz
ida pra alguma parte
de sofrimento se despe
lenço que guarda em si
rente dos olhos a cor


resto pra mim  o ar
gula de um amor por vir
meio futuro entre
cara lembrança de mas

Nenhum comentário:

Postar um comentário