domingo, 3 de abril de 2011

Filtro solar

Foto: Ricardo Magalhães
Essa minha felicidade
é fingimento - 
por dentro é só tormento,
agonia, sofrimento
Minto para não entristecer
quem vive ao meu redor
Minto para fugir
de uma dor muito pior
Só falo a verdade quando escrevo
encontro salvação...
Quero só experimentar
mas minha consciência treinada,
carrasca, dona de mim
Não posso viver, por isso choro
Meu amor é muito grande
cabem nele tantas pessoas,
mas não posso amar...
Por isso quero estar em dois lugares
quero a sombra e quero o sol
quero o frio e o calor
meu deserto e salvador
o som e o silêncio
a fome e o alimento
Quero apenas a possibilidade
de ir contra as leis da Física
e te amar mais que a vida
dos meus sonhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário